Para Seres Feliz… Desiste! (Parte 2)

6. Desiste das tuas queixas

“Reclamar não apenas arruína o dia de todos os outros como também arruína o dia do reclamante. Quanto mais reclamamos, mais infelizes ficamos. ”- Dennis Prager

Queixar-se não dói a ninguém além de ti.

Essa sensação de satisfação que sentes quando reclamas de algo é um falso positivo – um “golpe” que o ego tem por fazer alguém estar errado.

O autor do best-sellers do New York Times, Tim Ferris, recomenda colocar uma pulseira numa mão e trocar de mãos toda vez que te apanhares a reclamar.

Ninguém ajuda um reclamante e o ato de reclamar apenas te deixa infeliz.

Decide que nunca mais vais reclamar.

Desiste de reclamar!

7. Desiste dos teus pensamentos negativos

“É preciso muita força para dizer ao teu ego:” Sabes de uma coisa? Tu vais-me deixar sozinha, então eu tenho que te ignorar. ”- George Michael

Pensamentos negativos nunca te servem, são apenas histórias criadas pelo teu ego que causam sofrimento.

O teu ego está por perto para manter-te vivo, mantendo-te concentrado nos teus medos.

Reconhecer isso é capacitar e libertar os sentimentos que criam esses pensamentos ainda mais.

Como o Dr. David Hawkins diz: “os pensamentos em si são indolores, mas não os sentimentos subjacentes.”

Hawkins sugere que a qualquer momento que sintas algo negativo (a partir do sentimento de medo), não resistas, honra a sua existência e deixa-o ir. Faz disso um hábito regular quando te sentires mal e viverás mais com menos stresse.

Desiste dos teus pensamentos negativos.

8. Desiste da tua negação

“A negação é uma maneira infalível de não conseguir nada na vida e nos negócios.” – Sam Ovens, CEO, Consulting.com

Tudo o que tens e que aconteceu contigo é por tua causa.

Num dos seus treinamentos de mentalidade, Sam Ovens conta a sua história de viver em negação.

Viver em negação de verdades difíceis é uma maneira segura de alcançar nada na vida, diz ele.

Como a pesquisa do Dr. David Hawkins apoia:

“A negação resulta em grandes bloqueios emocionais e maturacionais. Geralmente é acompanhado pelo mecanismo de projeção. Por causa da culpa e do medo, reprimimos o impulso ou sentimento e negamos a presença dentro de nós. ”

No momento em que percebi essa dura verdade, mudou a minha vida para sempre.

Isso levou-me a encarar verdades difíceis e “limpar” todas as áreas da minha vida que negavam existir para finalmente merecer o sucesso que eu queria.

Admiti todas as coisas que precisava limpar e fiz uma lista, uma a uma, e comecei a desbastar todos os dias.

Faz uma lista de todas as áreas da tua vida, desde finanças, saúde, riqueza, relacionamentos, hábitos e busca por coisas destrutivas que tu estás a ignorar ou a negar. Isto é o que as pessoas querem dizer quando dizem “varrer para debaixo do tapete”.

Essas coisas que tu estás a negar estão a prender-te, e no momento em que encarares essas coisas e começares a limpá-las, elas se dissolvem. Esta lei universal é assustadora e é provavelmente a melhor coisa que tu podes começar a fazer agora. É preciso que a maioria das pessoas chegue ao fundo do poço para perceber que existe essa verdade eterna, não deixes que sejas tu.

Esta é a chave para uma mente clara e para ganhar o subconsciente que não nos impeça de merecer sucesso, viver em negação é o primeiro bloqueador dela.

Desiste da negação!

9. Desiste do evitamento

“A tua dor é a quebra da casca que enclausura o teu entendimento.” – Khalil Gibran

O desenvolvimento pessoal e a felicidade acontecem do outro lado de enfrentar verdades dolorosas e tu não merecerás o sucesso que precisas para ser feliz até que pares de evitar essas verdades dolorosas.

Este pode ser o mais poderoso e eu sou a prova viva.

Durante anos, evitei a dolorosa verdade de que eu tinha hábitos horríveis.

“Mas estou investindo em mim mesmo”.

“Mas vou focar-e em fazer mais.”

Eu dizia mentiras para evitar a disciplina necessária para manter um orçamento e economizar a longo prazo.

Há uma diferença entre investir em ti mesmo e não gastar dentro de um orçamento.

Como tu fazes algo é como tu fazes tudo, e se não estás no controle de uma coisa, estás fora de controle em tudo.

Faz uma lista de coisas que estás evitando e começa hoje a enfrentar.

Enfrentar a dor de cabeça irá libertar-te mais do que qualquer coisa que possas fazer.

Desiste do evitamento!

10. Desiste da tua mentira

“Honestidade é mais do que não mentir. É dizer a verdade, falar a verdade, viver a verdade e amar a verdade. ”- James Faust

Mentir é uma saída preguiçosa que não te faz a ti ou à pessoa a quem estás a mentir qualquer favor.

Sim, é mais fácil salvar a cara e os sentimentos, mas a mudança e o crescimento estão do outro lado de verdades difíceis e conversas desconfortáveis.

Isso é difícil, porque é preciso mudar a tua personalidade para mudar a tua identidade, para alguém que possa ser visto como insensível.

Os melhores líderes dizem a verdade para um crescimento construtivo.

Não reajas para te adaptar ao enquadramento de outras pessoas. Em vez disso, reserva um tempo para ouvires e seres proativo com uma resposta. Se não estiveres pronto para responder, cria o hábito de dizer que precisas pensar sobre isso.

Este é um exercício que leva tempo e é difícil controlar a percepção de outras pessoas. Isso pode muito bem significar que eles não te entendem ou que não gostam do facto de seguires em frente.

Estar confortável com esse desconforto é o que diferencia o melhor do resto.

Desiste da tua mentira!

11. Desiste da tua indignação justa

“Percebi que minha justa indignação era uma forma de entretenimento para mim. Eu adorava ficar puto com a injustiça. Eu não fiz nada com disso, eu só gostava da sensação de estar chateado. ”- Harold Ramis

Estar certo não significa que estás a ser produtivo ou que te estás a aproximar de uma solução. Tu estás certo. E agora?

Sempre que tiveres uma posição ética ou moral elevada e achares que é superior a outra pessoa, reconhece que é apenas um ego sentindo-se bem consigo mesmo e não te leva a lugar nenhum. Depois pergunta “que progresso eu quero desta situação e que pergunta me ajudará a descobrir”.

Faz isso e aprenderás e serás produtivo.

Desiste da tua justa indignação!

Talvez te interesse:

Para Seres Feliz… Desiste!

“Se queres ser feliz, tens que deixar de lado a parte de ti que quer criar melodrama. Esta é a parte que pensa que há uma razão para não seres feliz. Tu tens que transcender o pessoal e, ao fazer isso, naturalmente despertarás para os aspectos mais elevados do teu ser .” – autor do best-seller do New York Times “The UnTethered Soul”, e fundador de centro de meditação, Michael Singer

O que é felicidade?
“Não é o que tu tens ou quem tu és ou o que estás a fazer que te faz feliz ou infeliz. É o que tu pensas sobre isso. ”- Dr. Stephen Covey
Felicidade é um padrão e uma visão do mundo, que está no nosso controle.

Pessoas felizes acabam tendo vidas felizes – vidas felizes não acabam fazendo pessoas felizes.

Como o autor de Sapiens, Dr. Yuval Noah Harari, disse:

“Nós tendemos a acreditar que se pudéssemos mudar o nosso local de trabalho, comprar aquele carro ou terminar de escrever esse romance, estaríamos no topo do mundo. No entanto, quando conseguimos o que desejamos, não parecemos estar mais felizes. Comprar carros e escrever romances não muda a nossa bioquímica. Estes podem surpreender-te por um momento fugaz, mas logo está de volta ao seu ponto de ajuste.
Pessoas felizes são felizes, independentemente dos eventos externos que estão a enfrentar.”

Eles são os tranquilos resilientes que são capazes de enfrentar as mais infelizes das circunstâncias externas e superá-las.

Isto é evidente a partir de milhões de pessoas que voltam da guerra, enfrentam dificuldades extremas, vêm da pobreza e conseguem superar e viver uma vida feliz de compaixão.

Em suma, o hábito da felicidade leva à resiliência e a resiliência é a chave para cultivar uma vida feliz.

Demora trabalho para manter esse padrão? Absolutamente. E a última coisa que estou a tentar dizer é que é fácil.

O que eu quero destacar é que apenas o poder que vem de ser um ser humano sensível, permite que a nossa sofisticada consciência que nos fez a espécie vencedora – permitindo-nos planear futuros aprendendo com o passado – também vem com uma sofisticada desvantagem de pensar constantemente no passado e do anseio pelo futuro – que muitas vezes cria angústia e infelicidade para muitos.

Como o Dr. Harari continuou dizendo na sua exploração da felicidade humana:

“Somos muito mais poderosos que os nossos ancestrais, mas somos muito mais felizes? Não parece. Em comparação com o que a maioria das pessoas na história sonhou, podemos estar a viver no paraíso. Mas, por algum motivo, não sentimos isso. ”

Vê abaixo o que pode estar a empatar a tua felicidade e com esta lista e muito treino ela fica bem mais perto da porta… A FELICIDADE!

1. Desiste de adiar para ser feliz

“Estamos condicionados a sacrificar deliberadamente a alegria no momento, em prol de recompensas no futuro que acreditamos que nos trarão felicidade. No entanto, quando chegas ao teu futuro, ainda estás infeliz porque estás sempre à procura de outro ponto em que ficarás feliz e satisfeito. É a qualidade do teu momento presente agora, que determina a qualidade do teu futuro, porque o teu futuro também acontece no presente.”- Dr. Robert Anthony

Tudo o que existe é o momento presente. O teu futuro só pode ser tão bom quanto a qualidade do teu momento presente agora, então tu também podes ser feliz quando atingires as metas do momento presente no futuro.

Toma uma decisão com uma meditação de dez segundos como a primeira coisa que fazes quando sais da cama, não importa o que aconteça hoje e como tu te sentes (tu podes sentir-te mal, mas ainda assim ser feliz), tu serás feliz para fazeres a felicidade acontecer, não importa o quê.

Isto é como um músculo que precisa ser fortalecido, então quando alcanças outro ponto no tempo (frequentemente bem sucedido), podes estar presente também – porque todo  o evento futuro rapidamente se torna no evento de ontem e como humanos nós somos conectados para perguntar “o que vem a seguir?” quase todos os dias.

Não cometas o grave erro de acreditar que só serás feliz se alcançares o topo da montanha.

Desiste do teu adiamento para ser feliz!

2. Desiste da tua vitimização

“As pessoas simplesmente refletem os seus sistemas internos de crenças.” – Dr. David Hawkins

É compreensível que seja fácil de te convenceres que és uma vítima de um mundo feio, embora isso seja uma conversa fiada.

O mundo é como tu o percebes e a tua realidade é criada pela lente que cria a tua visão do mundo.

Tu vês o mundo com a tua mente, não com os teus olhos – então, isso está parcialmente sob o teu controle.

Além de todos os dados massivos mostrando que as pessoas estão a tornar-se mais amorosas e compassivas à medida que a humanidade evolui, conseguir o que tu queres está sob o teu controle absoluto.

Se queres ser tratado com respeito, tenta acreditar que todo mundo já te respeita e vê o que acontece.

Tu alicias o comportamento nos outros com base na forma como te comportas, e como  te comportas é baseado em como tu pensas. Então pensa com sabedoria e verifica no que acreditas se não estiveres onde desejas estar.

Anota 25 coisas em que tu acreditas. Essa lista refletirá a tua realidade.

Se quiseres mudar a tua realidade, muda essa lista para 25 coisas que tu querias que fossem verdade.

Então comece a acreditar nelas. Esta é a definição de hipnose e porque funciona. A hipnose está apenas a mudar a crença sobre alguma coisa.

Este fato difícil é fortalecedor, e se tu não acreditas em mim, tenta.

Como é que eu sei que isso é verdade? Porque há outras pessoas que vêem ao mundo como positivos, amorosos e abundantes. E o que um homem pode fazer, outro homem pode fazer também.

Desiste da vitimização!

3. Desiste da tua falta de sentido

“O propósito da vida, tanto quanto eu posso dizer… é encontrar um modo de ser que seja tão significativo que o fato de que a vida esteja sofrendo não seja mais relevante.” – Dr. Jordan Peterson

A vida significa o que tu queres que signifique e tu tens o poder de criar o seu próprio significado.

Isso é um luxo. Corre à vontade com isso e escolhe comprometeres-te com algo tão profundamente que faz do sofrimento uma reflexão tardia.

O que podes tu viver, pelo qual vale a pena morrer?

Quando é que te forçaste a sair da cama às 5 da manhã porque estavas excitado com algo?

É sobre contar histórias e decidir criar a tua.

Somos o único mamífero sofisticado o suficiente para fazer isso por causa da nossa bênção da alta consciência consciente.

Os esquilos só sabem guardar nozes e sobreviver ao inverno.

As aves só sabem voar e viajar para climas quentes.

Isso não depende deles, é o seu instinto de sucesso – os seus objetivos de como sobreviver são determinados.

Somos o único mamífero que pode escolher e planear metas ultra-complexas. Isso vem com os benefícios e, como sabemos agora, é uma maldição.

Imagina-te no teu leito de morte e imagina o significado que querias que a tua vida tivesse, agora escreve a história e sai e vive-a.

Tu és um herói e um mito e ninguém pode dizer o contrário.

Desiste da tua falta de sentido!

4. Desiste da tua busca pela felicidade

“O oposto da depressão não é felicidade, mas vitalidade e resiliência.” – Andrew Solomon – Um Atlas da Depressão

Não existe tal coisa como “alcançar a felicidade”, há uma vida feliz.

Não existe algo como “alcançar a felicidade”, há conteúdo e satisfação.

Não existe algo como “alcançar a felicidade”, existe estar feliz.

Todos estes estão disponíveis para nós agora, não importa qual seja a nossa situação.

Se tu estás no fundo do poço, reconhece que, no fundo do poço, o único caminho a percorrer é para cima e isso geralmente é necessário.

É por isso que o treinador e estrategista de vida número 1 no mundo sempre diz:

“Vê, não é o que está a acontecer contigo agora ou o que aconteceu no passado que determina quem te tornas. Em vez disso, são as tuas decisões sobre em que focar, o que as coisas significam para ti e o que tu vai fazer a respeito delas, que determinarão o teu destino final. ”- Tony Robbins

Usa situações dolorosas para aprenderes e tornar-te mais resiliente.

É a história que tu dizes a ti mesmo que importa – e seguir em frente, não importa o que aconteça, conta uma história de glória e superação.

Esse é o padrão de reação que tu precisas de adotar e criar um hábito.

Este é o segredo dos resilientes de quem tu ouves falar que superaram dificuldades para continuar e viver vidas felizes.

Desiste da tua busca pela felicidade!

5. Desiste da tua culpa

“A culpa é talvez a companheira mais dolorosa da morte.” – Coco Chanel

O lendário psiquiatra Dr. David Hawkins concluiu, após um período de vida de estudo, que todo o pensamento ou sentimento negativo está associado à culpa e, como resultado, constantemente gastamos tempo suprimindo-o.

Há culpa inconsciente toda vez que temos um pensamento negativo sobre alguém que está sempre julgando e criticando a nós mesmos e aos outros.

Para abandonar a culpa, inspira e reconhece a culpa e honra a sua existência, imagina-a a sair do corpo.

Não importa o que estamos a fazer, achamos que deveríamos estar fazendo outra coisa.

Deixa de lado a culpa, o dia todo e todos os dias e decide nunca mais te sentires culpado, não importa o que faças, como te sentes ou o que acontece.

Não é produtivo.

Desiste da tua culpa!

E vai ser feliz!

É Assim Que Te tornas Pouco Atraente Sem Dares Conta

Há muitos comportamentos ou “maus hábitos” que as pessoas têm que os fazem parecer pouco atraentes, irritantes ou alguém com quem ninguém quer estar por perto.

Algumas dessas características prejudiciais são as descritas abaixo, e se perceberes que incorporas qualquer uma delas – sai! Vais ver o teu círculo de amigos crescer depois de o fazeres.

1. És auto-absorvido

Muitas pessoas fazem isso sem perceber. Concentras-te apenas em ti mesmo, falas apenas sobre ti mesmo e muitas vezes não te importas com o que os outros ao teu redor têm a dizer. Achas que és o único que importa. Se este és tu, é hora de mudar. Ninguém quer ser amigo de alguém que só se importa consigo mesmo.

2. Concentras-te na beleza exterior, ignorando o que está dentro

Surpreendentemente, a verdadeira beleza vem de dentro do teu coração, corpo e alma. A tua aparência física não é o que mais importa, mas pessoas com comportamentos pouco atraentes pensam que a beleza exterior é tudo o que importa. Dá uma olhada no espelho – profundamente dentro de ti – e poderás ver o que está por baixo. Uma pessoa feia. A menos que mudes a tua maneira de pensar.

3. Estás sempre em competição

Tu és a pessoa que tem que ser melhor que todos os outros, ver mais, fazer mais? Se sim, és uma pessoa pouco atraente. Deves te preocupar mais com os teus amigos e deixá-los ter o seu momento. Se eles superaram o medo de altura e subiram a 2 metros de altura, não digas: “Isso é tudo? Eu subi 9 metros! ”Em vez disso, diz:“ Uau! Fantástico. Estou muito orgulhoso de vocês.”

4. Tu vês os teus amigos como inimigos

As pessoas que são vistas como pouco atraentes costumam brigar com os seus amigos. Em vez de te juntares a eles e realmente seres capaz de cuidar dos outros, tu estás sempre a virar-lhes as costas. Os teus amigos não são teus inimigos. Eles são teus aliados.

5. Questionas a tua importância para com os outros

Tu és definitivamente uma pessoa pouco atraente quando questionas constantemente por que os outros não te vêem tão importante quanto tu achas que deveriam. Por exemplo, dois dos teus amigos foram para algum lugar sem ti – não importa para eles -, mas para ti sim. Deixa isso para trás. Eles ainda são teus amigos e as suas vidas não param quando tu não estás por perto.

6. Tu és o chefe

Num grupo de amigos, todos devem estar em igualdade de condições. Se tu és o único a tomar decisões, constantemente precisando de estar no comando ou a tentar controlar o que os outros estão a fazer, estás a agir de maneira pouco atraente.

7. Tu és desonesto

Quando se trata de ser um grande amigo, ou alguém que os outros querem estar por perto, tu precisas ser honesto. Muitas pessoas que participam de comportamentos feios são frequentemente desonestas, mentindo sobre tudo, perguntando sobre cada pergunta feita a elas e como elas realmente se sentem sobre coisas diferentes. Sim, a honestidade é a melhor política.

8. Tu és rude

Se és a pessoa que costuma ser grosseira, ofensiva ou constrangedora para os teus amigos com comentários rudes em público – saia. Tu não és alguém que as pessoas gostam de estar por perto. Haverá momentos em que tu não concordas com alguém, ou vês algo que não querias ver, mas não faz sentido fazer uma cena, porque estás a fazer com que todo o mundo olhe para o teu comportamento terrível e eles não estão a ver o que tu estás vendo.

9. Tu és duvidoso, mas dependes dos outros

Tu estás lá quando os teus amigos pedem ajuda? Ou estás sempre ocupado quando alguém precisa de ti? Se és a pessoa com quem ninguém pode contar, é uma qualidade pouco atraente em amizades. Da mesma forma, se tu és quem está sempre pedindo ajuda de outras pessoas, mas nunca oferecendo a tua quando elas precisam, essa é outra qualidade pouco atraente que ninguém deseja num amigo.

10. Tu és sempre negativo

O pessimismo não é uma qualidade atraente. Se tu estás constantemente colocando as coisas para baixo, ou vendo situações sob uma luz negativa, tenta mudar a tua atitude. Ninguém quer ser amigo de alguém que está constantemente a ver o negativo em vez do positivo.

9 Sinais De Que Deves Ter Um Encontro De Uma Só Noite

S3xo é saudável. Por cada orgasmo que experimentas, o teu corpo colhe os benefícios.  O problema é se não estás num relacionamento ou a sair casualmente com alguém, nesse caso o que é suposto fazer? Para algumas pessoas, a resposta é ter um encontro de uma noite só (one-night stand).

Embora estudos estejam divididos sobre o impacto que o s3xo casual tem em nós, o facto é que a ciência não pode prever como todo mundo vai responder ao s3xo casual. Há uma tonelada de fatores envolvidos: onde estás na vida, o que procuras, como os estigmas sociais te afetam, o que te faz sentir confortável, etc. Como a maioria das coisas, tens que fazer o que é o melhor quando se trata de s3xo.

Enquanto algumas pessoas detestam encontros de uma noite e evitam-nos como a peste, outras apreciam-nos totalmente.
Estás pronto para uma noitada? Estás naquele ponto em que nada no mundo te vai fazer sentir melhor do que ter s3xo com um estranho? Aqui estão nove sinais que deves então fazê-lo.

1 | Sentes-te confiante com a tua sexualidade e expectativas

A única maneira em que vais ser capaz de apreciar verdadeiramente o teu encontro é tendo confiança na tua sexualidade e expectativas. Precisas perceber que uma noite destas muito raramente leva a uma relação e deve ser vista por aquilo que é: s3xo casual. Se tens confiança para isto, então, é bom que vaz.

2 | Queres experimentar algo novo

Juntamente com o aspecto sexual, encontros de uma noite só podem dar-nos a oportunidade de aprender algo novo. Seja algo que aprendemos sobre nós mesmos ou uma nova técnica de s3xo que nunca passou pela nossa cabeça antes, há lições a serem aprendidas durante uma noitada.

3 | Acreditas que duplicidade de critérios é treta

Por alguma razão… vivemos numa sociedade onde somos totalmente compreensivos com os homens terem encontros de uma noite, mas as mulheres que o fazem são simplesmente horríveis. Eu chamo a isso uma treta. Se acreditas no mesmo e sabes que podes ir a uma noitada sem te sentires culpa, então força.

4 | Saíste de uma relação e precisas de uma distração

Quando sais de um relacionamento, um encontro de uma noite pode oferecer-te um punhado de soluções. Para começar, é uma ótima distração para o tumulto que provavelmente está a acontecer na tua cabeça e coração. Estudos têm mesmo vindo a comprovar que s3xo casual depois de uma separação é um mecanismo natural, então, se estás confortável e tens claras as expectativas sobre esta ligação, por que diabos não?

5 | Não queres um investimento emocional neste momento

Outro grande sinal que deves ter one-night stand é que não estás numa de investir no momento em qualquer coisa que dure mais do que algumas horas. Se é por causa da tua carreira, ou o facto de que já te teres queimado antes, se não estás em ti no momento, mas ainda assim queres fazer sexo, então, uma noitada é a melhor opção.

6 | Achas o anonimato excitante

Para algumas pessoas, a familiaridade é um aspecto importante para o s3xo — e essas pessoas provavelmente não vão desfrutar de uma noite de s3xo com um estranho. Por outro lado, algumas pessoas não precisam disso. Pode ser excitante, para escapar da tua vida real, desaparecer no anonimato e fazer s3xo com um estranho.

7 | Achas que o ‘caminho da vergonha’ é na verdade o ‘caminho do incrível”

Hum, porque é! Antes mesmo de Amber Rose redefinir no seu video a “caminhada da vergonha”, todos, fãs de one-night stand ou não, deveriam ter sido capaz de atestar que é, na verdade, o “caminho do incrível”.

8 | Precisas de uma pausa do teu vibrador

Por muito que eu ame o meu vibrador, às vezes, como diz Carrie Bradshaw, “preciso sentir o peso de um homem em mim.” É nesses casos, que uma noitada vem a calhar. Sentes esse peso de outro ser humano. (Embora o orgasmo não seja exatamente uma garantia.)

9 | Só queres s3xo

Às vezes só queres mesmo ter uma noite de s3xo e aquele brilho pós-sexo. Precisas mesmo de outro sinal por que te deves encontrar com um estranho nos próximos 30 minutos?

Como Distinguir Uma Relação Imatura De Uma Relação Madura?

E como é que sabes? Como é que podes dizer se tens uma relação duradoura ou um amor de dois meses? Como distinguir uma relação imatura de uma relação madura?.

Uma relação deve ser fácil . Isso de andar sempre atrás do outro, com mensagens ou preocupado com o que está a fazer, não existe. O amor tem que ser a coisa mais tranquila que tens na vida, o teu porto seguro, uma paz de espírito que nunca sentiste antes.

Os relacionamentos imaturos têm dúvidas. Será que ele me ama mesmo? Ele trai-me? Estaremos juntos daqui a dois meses?
Os casais maduros já sabem as respostas e não precisam da reafirmação dos parceiros. Sentem-se confortáveis e seguros sabendo que são correspondidos.

Não há dramas porque o drama é para crianças. O drama é para pessoas que não sabem como ter um relacionamento – que vivem de noções preconcebidas e idealistas de que o amor deve ser selvagem e obsessivo.

Amar é fácil. É a coisa mais fácil que já fizeste. É o lugar mais calmo da tua vida, o cobertor mais seguro que já usaste. É algo que acontece naturalmente; não precisa ser disputada dia após dia.

Quando tu amas alguém, e ele ou ela te ama, e não há dúvida dos sentimentos isso é paz de espírito. Uma paz de espírito que nunca tiveste antes ..

Um relacionamento maduro vive com essa paz de espírito; os imaturos afogam-se nela.

RELAÇÕES IMATURAS FAZEM PERGUNTAS; RELAÇÕES MADURAS RESPONDEM
Os relacionamentos imaturos são totalmente cercados de dúvidas. Ele ama-me? Ela está a trair-me? Estaremos juntos em dois meses?

Casais maduros não precisam de fazer perguntas. Eles já sabem as respostas e não precisam de garantias dos seus parceiros.

Eles sentem-se confortáveis, seguros e livres de dúvidas porque o amor maduro não é sobre todas aquelas pequenas questões.

RELAÇÕES IMATURAS FAZEM-TE DESEJAR ALGO; RELAÇÕES MADURAS DÃO-TE O QUE PRECISAS
Há um vazio nos relacionamentos imaturos, uma ausência aparente e uma preocupação incessante de que algo está A FALTAR.

Esse vazio corrói-te quando vais dormir ou se deixam um ao outro por apenas algumas horas. Ela queima vagamente quando vocês estão juntos, mas enganas esse vazio com sexo e conversas constantes.

Relacionamentos maduros não têm nenhum vazio. Não há espaços vazios ou pequenas fissuras. Nunca há um sentimento de que algo foi tirado ou que algo se vai com a outra pessoa.

O amor entre duas pessoas maduras preenche cada fenda na fibra do seu ser que eles não sabiam que tinham.

RELACIONAMENTOS IMATUROS LUTAM PARA SER UMA SÓ PESSOA;  RELACIONAMENTOS MADUROS SABEM QUE SÃO DOIS
Os relacionamentos imaturos são formados por duas pessoas incompletas. Eles são duas metades tentando fazer um todo.

São duas pessoas procurando por algo que não pode ser encontrado noutra pessoa. Eles dominam um ao outro, forçam-se juntos e fazem uma malha defeituosa de um humano.

Os casais maduros nunca se esforçam para ser um. Eles são duas pessoas individuais que procuram fazer duas pessoas melhores. O amor entre os dois não é fazer com que ambos fiquem inteiros novamente, mas mais individuais.

É sobre apoiar um ao outro para seguir as suas paixões, interesses e tornarem-se melhor pessoas.

RELACIONAMENTOS IMATUROS PERDEM O RUMO; RELAÇÕES MADURAS FICAM MAIS MOTIVADAS
Nós todos nos deixamos envolver pelo amor. É fácil passar dias na cama e fins de semana no nebuloso mundo de cobertores e beijos.

Mas, eventualmente, esse amor sufocante é substituído por amor motivado – um tipo de amor que surge quando queres viver com alguém e trabalhar duro para conseguirem essa vida. Casais imaturos nunca chegam a isso.

Eles nunca sentem essa motivação para deixar um ao outro apenas para voltar mais bem sucedidos e mais determinados a fazer uma vida para os dois.

RELACIONAMENTOS IMATUROS BRIGAM POR MENSAGEM; RELAÇÕES MADURAS ESTÃO SEMPRE CARA A CARA
Brigar é natural; mensagens de texto não! Casais maduros não passam os seus dias a brigar através duma tela.

Quando eles têm algo para discutir, eles fazem isso cara a cara – onde os significados não podem ser mal interpretados pelos emojis e auto corretores. Casais imaturos alimentam os seu relacionamento com incessantes brigas e longas mensagens.

12 Coisas Que Só As Mulheres Que Não Usam Maquilhagem Compreendem

Para acompanhar as tendências da moda e exigências sociais constantes, as pessoas tentam alterar e adaptar as suas vidas escondendo o que está por baixo e expondo uma falsa imagem – que é mascarada com maquilhagem.

Mas onde fica a auto-confiança, gentileza e bondade? Aqui estão algumas coisas que as pessoas que não usam maquilhagem entendem.

1- Gostam de si pelo que são

São realistas e verdadeiras com elas mesmas. Quando estão com outras pessoas, não precisam de se preocupar se estão a ser admiradas como uma heroína de desenhos animados. Podem relaxar e desfrutar de ser apreciadas pelos seus dons naturais.

2- Economizam tempo

Aplicar maquilhagem demora o seu tempo. Todo esse tempo pode ser gasto fazendo algo de útil, por exemplo, sendo pontual ou lendo um livro emocionante.

3- Não precisam de satisfazer ninguém

Entendem que o gosto das pessoas são diferentes. Não tentam ajustar as suas normas para atender a esses gostos, em vez disso, validam a sua auto-estima olhando de uma forma agradável e atraente principalmente para si mesmas.

4- Podem poupar dinheiro

Vamos ser realistas, os produtos de beleza custam dinheiro, e na maioria das vezes não há garantia de um retorno sobre o investimento. Pessoas que não usam maquilhagem podem economizar dinheiro e tempo fazendo e tentando perseguir outros empreendimentos dignos.

5- Tornam-se mais atraentes de outras formas

Pela aparência da cara talvez possas atrair pessoas mas isso nunca é duradouro. O que sustenta são outras qualidades, como a como a bondade, calor e afeto. Estas qualidades não precisam de ser embelezadas por maquilhagem, mas pela idade e pela valorização não só de ti mesma, mas também do mundo ao teu redor.

6- Podem construir relacionamentos auto-sustentável

As pessoas que não usam maquilhagem podem ser quem elas são e manter-se no comando. Quem é atraído por elas está preocupado com o que está por baixo da sua pele e fica confortável com a sua aparência geral. Esses tipos de relacionamentos são construídos para durar, já que não são construídos sobre uma base egoísta.

7- Têm autoconfiança

Apreciam o que têm, os seus corpos e seus interiores. Não tentam esconder as falhas ou sentem inferioridade. Já aprenderam a lidar com isso e são confiantes no que mostram ao mundo.

8- Conseguem lidar com as mudanças da vida

Quer gostemos ou não, iremos todos ser vítimas do tempo e da idade. Pessoas que não usam maquilhagem recusam-se a fugir desse facto. Em vez disso, sabem lidar com mudanças e instabilidades na vida.

9- Definem a sua própria felicidade

Sabem o que a felicidade significa. Sabem lidar com a simplicidade e com os detalhes surpreendentes da vida ao invés de sofisticação e luxo que oferece a maquilhagem. Não têm de encobrir nada, especialmente o seu sorriso feliz.

10- Não se preocupam com danos na pele

Não têm medo ou que se preocupar com os ingredientes altamente alergénicos e prejudiciais que estão contidos em muitos produtos de maquilhagem.

11- Não precisam de seguir o “rebanho”

Pensam de forma independente. Não precisam de ser vítimas do que a media propaga, particularmente, que precisa de produtos de maquilhagem para ser completa. Elas já estão completas e confortáveis com quem são.

12- Atraem as pessoas que querem saber mais sobre os seus pensamentos

Porque se centram na construção de outros aspectos das suas vidas, ao invés de apenas das suas aparências faciais, as outras pessoas estão mais interessadas no que elas têm para oferecer. Não ficam pasmados a olhar, querem é ouvir o que têm a dizer estas pessoas com tanta força e beleza interior.


Qual é a tua opinião, concordas? Deixa-nos o teu comentário 😉

 

1 Por Dia, Deita Estas 100+ Coisas Fora

Limpar a desordem pode ser uma tarefa difícil, especialmente se tiveres deixado acumular por um tempo.

Em vez de perderes tempos infinitos a tratar da desordem de meses ou anos, dá passos de bebé, deitando fora um tipo de itens por dia. E deitar fora poderá ser reciclar, vender, doar ou – o último recurso – destruir.

Aqui está uma lista de 116 tipos de itens à qual, naturalmente, podes acrescentar o que te vai aparecendo e que não serve para absolutamente nada:

 

  1. O brinco restante de um par de brincos (a menos que uses desemparado);
  2. Recortes de papel de embrulho (se não serviram até aqui, nunca vão servir);
  3. Cartões dados por pessoas sem valor sentimental;
  4. Recibos que não precisas;
  5. Bilhetes de comboio, autocarro;
  6. Meias com buracos ou foguetes;
  7. T-shirts antigas;
  8. Flores secas;
  9. Revistas;
  10. CDs;
  11. Elásticos de cabelo que perderam a elasticidade;
  12. Acessórios de cabelo que não usas;
  13. Sapatos que não servem ou que não usas;
  14. Impressões extra de fotos;
  15. Pequenas bugigangas;
  16. Coisas de cozinha que não usas;
  17. Utensílios de cozinha em duplicado;
  18. Sutiens velhos;
  19. Lenços, echarpes e cachecóis que nunca usas;
  20. Roupas que não servem;
  21. Presentes que não gostas;
  22. Toalhas velhas;
  23. Maquilhagem antiga;
  24. Artigos de casa-de-banho velhos;
  25. Cabides antigos ou que não usas;
  26. Produtos de higiene pessoal vencidos ou em tamanho de amostra;
  27. Botões extra;
  28. Molhos expirados;
  29. Brinquedos dos teus animais de estimação com os quais já não brincam;
  30. Medicação expirada;
  31. Verniz seco;
  32. Faturas que não precisas de guardar;
  33. Cupons expirados;
  34. Papelada antiga;
  35. DVDs que não assistes;
  36. Biscoitos que os teus animais de estimação já não comem;
  37. Roupas danificadas;
  38. Roupas manchadas que já não podes limpar;
  39. Vestidos de formatura;
  40. Panelas antiaderentes riscadas;
  41. Roupa íntima velha ou roupa de banho que está a perder a elasticidade;
  42. Eletrónica desatualizada;
  43. Jóias enferrujadas;
  44. Canetas que não funcionam;
  45. Roupas que para ti estão ultrapassadas;
  46. Colares e pulseiras com fechos quebrados;
  47. Cabos e fios que não usas;
  48. Folhas gastas e soltas sem uso;
  49. Garrafas vazias ou quase vazias de produtos de limpeza;
  50. Botões antigos de remendar roupas;
  51. Tapetes de banho desgastados;
  52. Eletrónica partida, estragada;
  53. Bolsas que nunca usas;
  54. Talheres, pratos e copos que não combinam com o resto da tua coleção;
  55. Almofadas velhas;
  56. Sapatos desgastados:
  57. Convites de casamento;
  58. Lembretes;
  59. Lembranças de casamento que não usas;
  60. Carteiras antigas que não usas;
  61. Equipamentos de cozinha partido;
  62. Peças de mobiliário de reposição que não precisas;
  63. Manuais de montagem de móveis;
  64. Caixas e vasos não utilizados;
  65. Tupperwares extra que não precisas;
  66. Correio antigo;
  67. Correio não solicitado;
  68. Folhetos de viagem;
  69. Grampos;
  70. Lápis velhos e outro material de arte, além de marcadores que ficaram sem tinta;
  71. Recipientes e frascos aleatórios;
  72. Papéis de carta, autocolantes e notas autocolantes não utilizados;
  73. Jeans rasgados que não da moda;
  74. Arte antiga ou obras de arte das crianças;
  75. Envelopes usados ​​e rasgados;
  76. Capas de telemóvel antigas ou estragadas;
  77. Baterias antigas não utilizadas;
  78. Canecas extras e sem uso;
  79. Especiarias antigas;
  80. Etiquetas de endereço para a tua antiga morada;
  81. Fita embrulhada e papel para embrulho amassado;
  82. Cartões ou presentes de Exs:
  83. Cartões de compras frequentes que nunca usas;
  84. Caixas de fósforos usadas e isqueiros sem pedra;
  85. Sacos de compras antigos;
  86. Calendários antigos;
  87. Pastas antigas;
  88. Imans partidos ou estragados;
  89. Roupas que estão desatualizadas ou da faculdade;
  90. Decorações de Natal quebradas;
  91. Luzes de natal que não funcionam;
  92. Toalhas Desfiadas;
  93. Comida expirada;
  94. Cabos de computador e outros cabos de eletrónica que não usas;
  95. Software antigo e desatualizado;
  96. CDs para programas de computador antigos;
  97. Telemóveis antigos;
  98. Roupas de segunda mão que só guardas por que te foi dada;
  99. Camisolas promocionais que nunca usas, nem para fazer limpeza;
  100. Biscoitos da sorte;
  101. Extratos bancários antigos;
  102. Planeadores antigos;
  103. Apaga emails antigos que não precisas;
  104. Apaga as músicas que não ouves do teu iTunes;
  105. Botões extras que vêem com a roupa (se calhara roupa já nem a tens);
  106. Jogos de tabuleiro onde faltam peças;
  107. Livros escolares antigos que nunca mais usarás;
  108. Papéis que scaneaste para o computador;
  109. Livros que já leste e não gostaste; 


Por muito que esta lista te possa parecer inútil, desafio-te a usares estas dicas. No final, diz-nos quantos sacos juntaste. 
Deixo o desafio 😉

Pequenas Mas Poderosas! 10 Tatuagens Fantásticas Dentro Dos Dedos

Tatuagens são uma forma popular de expressão pessoal para milhões de pessoas ao redor do mundo.

São feitas por pessoas de todos os países, religiões, idade e sexo. Esta diversidade faz as tatuagens verdadeiramente universais. Algumas culturas e tribos até exigem de seus seguidores e membros ter certas tatuagens com a finalidade de facilitar a identificação.

Além destas razões culturais, as pessoas usam tatuagens de diferentes formas e sinais para gratificação pessoal e às vezes, até mesmo para fazer parte de um grupo.Tatuagens são limitadas apenas pela imaginação e criatividade, elas tendem a ser grandes, pequenas, simples, elaboradas e tudo mais. Diferentes tipos de tintas são usados. Tudo depende de preferências e gostos individuais.
Uma das tendências mais quentes hoje em dia são as tatuagens na parte interna do dedo porque são cativantes e adicionam personalidade. Aqui estão 10 incríveis desenhos de tatuagem de dedo a considerar.

Tatuagem de letra

Um dos teus bens mais valiosos é o teu nome, por isso, é certo que a maioria das pessoas iria querer ostentá-la. Em vez de escrever o nome completo, é bonita a tatuagem apenas com a primeira letra do teu nome, no interior de qualquer dedo. Às vezes, pode até ser a letra inicial do nome do teu amado!

Símbolos religiosos

Se és uma pessoa religiosa, agora tens a chance de mostrá-lo no seu dedo mindinho. Uma pequena cruz acima de seu anel de casamento adiciona um toque de classe ao teu estilo. Às vezes, podes até ter todos os símbolos religiosos no mesmo dedo ou dedos diferentes para mostrar apreço e amor universal.

Amante de animais

Para os amantes dos animais, não há nada melhor do que tatuar seu animal favorito no dedo. Pode ser um animal ou um grupo de animais diferentes, dependendo da tua escolha.

O teu lado original

Para mostrar o teu lado original, podes ter algumas palavras interessantes tatuadas nos dedos. Isso pode ser uma tatuagem única ou uma série de tatuagens que pertencem ao mesmo tema. Essas tatuagens fazem sempre um sorriso no rosto de alguém. Mais importante, reflete a tua personalidade.

Símbolos universais

Para tatuagens pela primeira vez ou para quem procura coisas mais simples, escolher um símbolo universal como um coração para o amor ou um nó para a harmonia pode ser interessante. Estas tatuagens são simples expressões dos teus pensamentos e sentimentos.

Palavras profissionais

Pessoas que amam a sua profissão às vezes querem dizer ao mundo o que eles fazem.Então, se és um programador de software, podes tatuar a palavra “código”. Se és um fotógrafo, podes tatuar o icónico “sorriso” no dedo. Um amante da música pode ter a nota musical tatuada também!

Flechas

Há um certo encanto em tatuagens de flechas nos dedos. Escolhas uma seta simples ou uma embelezada, ela acrescenta estilo e personalidade. Podes até ter múltiplas formas de flechas em cada um dos teus dedos.

Palavras ou nomes

Um desenho interessante é escrever os nomes das tuas pessoas favoritas ou palavras nos lados de cada dedo. Podes até mesmo transmitir os teus pensamentos com uma série de palavras em cada um dos dedos para mostrar as tuas crenças e opiniões.

Tatuagens coloridas

Se pensas que tatuagens tem que ser só o preto, então aqui está uma surpresa! Tatuagens podem ser tão coloridas quanto a tua imaginação. Se gostas de cores terrosas ou jazz, podes tatuá-las nos teus dedos. Basta que escolhas um design que fique bem com a tua escolha de cores.

Arte abstrata

Um dos melhores símbolos para tatuagem é a arte abstrata. Liberta a tua criatividade e inventa uma série de símbolos ou desenhos que não sejam apenas lindos, mas também chamem a atenção dos outros. Em muitos aspectos, é uma forma de expressão de tuas habilidades artísticas, para que possas mostrar a todos o potencial do teu cérebro esquerdo. Se escolheres a arte abstrata, certifica-te de desenhar a arte num pedaço de papel para que possa ser facilmente replicado.
Além das escolhas acima, podes também pedir ao tatuador que te dê ideias. Podes também sugerir ao teu designer para tentar algo como uma bússola, anjo, animal, arte, borboleta, cruz e tatuagens culturais.

Tens alguma tatuagem do género das que apresentámos? Gostávamos de saber 😃

9 Métodos Naturais Para Branquear os Dentes

Os benefícios de ter uns bons dentes são abundantes, não há dúvidas sobre isso. Dentes brancos e bons podem ajudar a aumentar a tua auto-estima, causar uma primeira impressão positiva e também aumentar a tua imagem geral.

No entanto, estima-se que 18% das pessoas tentam esconder os dentes. Embora os motivos variem, geralmente isso ocorre por causa de dentes manchados e amarelados que não embranquecem, não importa o quanto a escovação seja feita.

Ninguém deveria ter que esconder os seus dentes por esse motivo. E, embora existam muitos procedimentos cosméticos que possam ajudar a tornar os dentes mais brancos, também podes tomar medidas com as próprias mãos em casa.

Vê aqui 9 maneiras fáceis e naturais de branquear os dentes:

1. Morangos Triturados

Este é um método de branqueamento de dentes tornado popular pela atriz Catherine Zeta Jones. Especificamente, ela cozinha quatro ou cinco morangos e esfrega a mistura em todos os dentes. Diz-se que o conteúdo ácido da fruta corroa os alimentos e bebe as manchas. Seguindo este método, no entanto, é importante enxaguar bem.

2. Vinagre De Maçã

Escovar com vinagre de maçã é outro método comprovado de branqueamento dos dentes, embora aqueles que o administram dizem que leva cerca de um mês de escovação regular com a substância para notar uma diferença real. Especificamente, este método brilha em termos de remover os gostos de café e manchas de nicotina dos dentes. Uma coisa a notar é que é um ácido, portanto, seguindo a administração de vinagre de maçã, deves escovar bem com uma pasta de dentes padrão ou lavar a boca. Se o ácido for deixado dentro da boca, ele pode acabar corroendo o esmalte dos dentes.

3. Extrato de óleo de coco

Apesar de uma das descobertas mais recentes no clareamento natural de dentes, muitos elogiam os resultados da extrato de óleo de coco. A melhor maneira de usar isso como um clareador de dentes é colocar uma colherada na boca e espalhá-la como elixir bucal, adicionar gotas à escova de dentes e escovar os dentes com ela ou enxugá-la com uma toalha e aplicá-la à superfície. Simples assim.

4. Come queijo

Comer queijo também pode ajudar a promover um sorriso saudável. Isso porque o queijo contém a proteína do leite caseína, que trabalha para tornar o esmalte mais forte. Essencialmente, ao comer queijo, ajudas a manter o esmalte dos dentes saudável.

5. Come os teus vegetais

Sim, simplesmente comer vegetais crocantes, como aipo e cenoura (assim como frutas como maçãs e peras) pode ajudar a manter os dentes mais brancos. Como? É porque esses legumes são abrasivos e podem ajudar a remover manchas da superfície dos dentes. Eles também ajudam a produzir saliva, o que também ajuda a minimizar as manchas.

6. Bicarbonato de Sódio e Peróxido de Hidrogénio

No que diz respeito ao clareamento dos dentes naturais, este é um método comprovado e eficaz. Basta misturar quantidades mínimas de bicarbonato de sódio e peróxido de hidrogénio numa pasta e usá-lo para escovar os dentes. O peróxido de hidrogénio mata os germes e mantém a boca limpa, enquanto o bicarbonato de sódio funciona para limpar qualquer mancha dos dentes.

7. Muda a tua escova de dentes a cada 3 meses

A maioria das pessoas só troca a escova de dentes quando recebe uma nova do dentista na limpeza de seis meses. Isso é um erro – as escovas de dente devem ser trocadas pelo menos uma vez a cada três meses. Por quê? Porque isso é normalmente o tempo que as cerdas se dobram e se desgastam. Quando isso acontecer, os teus dentes não serão limpos como deveriam.

8. Escova, escova, escova

Embora isso possa ser um pouco inconveniente, uma das melhores maneiras de garantir que os teus dentes permaneçam brancos é escová-los depois de cada refeição. Bebidas como café, chá e vinho tinto podem manchar os dentes, e alimentos que são ricos em açúcar também podem causar danos à sua aparência, no entanto, a escovação regular pode ajudar a compensar alguns desses problemas.

9. Carvão Ativado

Carvão ativado é comumente usado para absorver as toxinas que foram ingeridas pelo corpo – mas também trabalha para remover toxinas da boca e livrar-se de manchas. Assim, embora este método possa parecer um pouco estranho, e enquanto ele certamente irá tornar a tua boca negra até enxaguar, escovar com carvão ativado fornece resultados altamente satisfatórios.

Conheces outros métodos? Partilha connosco 😉

7 Gestos Românticos Que Fazem as Mulheres Desmaiar (Meninos, Tomem Nota!)

Depois de um tweet a questionar sobre os gestos românticos que realmente fariam as mulheres desmaiar, vários foram os comentários com sugestões de gestos românticos.

Feito um apanhado dos que causaram maior impressão, estes são os resultado:
1. Faz algo para ela.
Escreve um poema ou uma música, desenha uma foto ou um cartão, emoldura uma foto – que tu tiraste! – de vocês dois juntos, cozinha um jantar especial com todos os seus pratos favoritos; seja o que for, se for feito pelas tuas mãos, ela vai-se derreter.
“Eu adoraria, amaria, amaria ter algo criativo feito por mim … seja um poema ou uma música ou uma foto pintada, mostra tempo, esforço e emoção, e não precisa custar nada!”
“O meu presente mais romântico de sempre, foi um ipod personalizado com o seu apelido para mim. Estava cheio de músicas que significavam algo para nós. A qualquer hora, em qualquer lugar, posso colocar os fones nos meus ouvidos e ser romantizada. Suspiro.”

2. Demonstra que pensas nela quando ela não está por perto.

Isso pode ser demonstrado da maneira mais simples.
Adoro quando o meu namorado me envia links para histórias que ele sabe que me vão interessar – especialmente quando se trata de tópicos que não lhe interessam. Por exemplo, uma vez ele enviou-me um link para um artigo sobre todas as séries de TV “Star Trek” transmitidas pela Netflix. Eu desmaiei – e fiquei muito empolgada para assistir alguns episódios de “The Next Generation”.
“Adoro receber os textos aleatórios” Eu te amo “ou” Oi linda “. Eles me fazem sorrir tanto. Ah, e um dia, há alguns meses, notei que ele tinha mudado o papel de parede do celular para uma foto minha. Isso pode parecer pequeno, mas geralmente o seu papel de parede é uma imagem de um avião. Ele adora aviões. Então, quando vi que ele tinha mudado a foto para uma de mim, senti-me realmente especial. ”
3. Sê solidário.
Uma ligação romântica / sexual é incrível e importante, mas estar sinceramente interessado em saber quem é a pessoa, o ser humano autónomo, é essencial para fazer um relacionamento durar. Claro, é bom saber que teu namorado pensa que és gostosa, mas não ainda melhor quando ele deixa claro que te acha inteligente e fascinante?
“Eu gosto de quando eu falo sobre algo novo que eu estou interessada, ele reage com ‘eu acho que deverias fazer isso’.”

4. Limpar. Oh, rapazes, lavar os pratos – tão simples, tão significativo, tão sexy.

“Eu ficaria em êxtase e me sentiria tão amada se notasse que as coisas em nossa casa estão sujas e ele as limpou completamente por conta própria, porque o estado da nossa casa é tão importante para ele.”
“Quando estou super cansada depois de preparar o jantar, às vezes eu desço as escadas para arrumar a cozinha e ele já fez isso tudo.
5. Apresentar pessoas importantes.
Os nossos pais trazem o que há de melhor e pior em nós – querer que ela perceba essa dinâmica mostra confiança e vulnerabilidade e isso é romântico. Se já passaste esse ponto no relacionamento, querer reunir as duas famílias aumenta a confiança.
“O meu namorado de um ano e meio recentemente sugeriu que os meus pais e os seus pais se encontrassem. Pareceu-me um sinal de amor e compromisso que ele gostasse que a sua família conhecesse a minha. Essa foi a coisa mais romântica. ”

6. Cuida dela.

Nós, mulheres, não somos flores delicadas que precisam de ser manuseadas com luvas de pelica. Mas com certeza é bom ser nutrido às vezes.
“Depois do trabalho, um dia, quando houve uma nevasca, quando estava a ir para o meu carro percebi que ele o estava a limpar por mim (trabalhamos no mesmo lugar, mas não juntos). O facto de que ele saiu para o frio e fez com que meu carro estivesse pronto para eu dirigir para casa sem ter que perguntar pareceu-me a coisa mais doce de sempre! ”
“Quando eu estava em casa doente, ele saiu e deu-me um suprimento de canja de galinha, vitamina C, toneladas de laranja e 2 tipos de chá. E foi apenas um resfriado. Eu adoro estas pequenas coisas do dia-a-dia. Ou como quando eu referi um dia que gosto de queijo de corda, e ele chegou a casa do trabalho com o maior queijo de corda que eles tinham na mercearia. Tão fofo! ”

7. Surpreende-a!

Sério, não precisa de ser uma viagem ao Tahiti – não se trata de gastar muito dinheiro ou colocar horas no planeamento de algo chamativo. É sobre ser atingido com o desejo repentino de fazê-la sentir-se especial de uma maneira que tu sabes que a vai tocar. Isso é inestimável.
“No verão passado, o meu namorado acordou-me por volta das 11 da noite (o quê? Eu vou para a cama cedo.) E fez-me vestir enquanto eu resmungava incoerentemente para ele porque, bem, é o que eu faço quando acordo. Ele levou-me para o parque do lado de fora da sua casa, onde ele tinha um cobertor disposto para que pudéssemos assistir à chuva de meteoros Perseidas. E diz ele que não é romântico. ”
“Não me entendam mal, eu amo flores. Mas elas morrem depois de um tempo e eu tenho que mandá-las fora e limpar o vaso, que eu inevitavelmente adio até que elas fiquem moles e nojentas. Ele me conhece bem o suficiente para saber que nada me agrada mais do que uma surpresa. Não é terrivelmente romântico, mas de alguma forma ele lembra-se de todas as flores que ele me comprou no passado, então consegue nunca repetir! Isso é amor para mim. ”

Adaptado de @xoamelia


E tu, que achas achas mais românticos?
Deixa-nos a tua opinião 💛💛💛