Comunidade Curiosidades Histórias de vida Homens

Por Que As Pessoas Alugam Homens De Meia Idade No Japão?


“Você aprende vendo através dos olhos das outras pessoas.” 

“As pessoas vivem muito a sério e isso reduz a sua visão.” 

Esses pensamentos não foram gerados por um algoritmo ou crowdsource no Twitter. São a sabedoria acumulada de um homem de meia-idade no Japão.

Um homem de meia idade que está disponível para alugar.

Vestindo uma camisa com uma estampa de urso panda em miniatura e sorrindo inescrutavelmente, Ken Sasaki, de 48 anos, tem uma vibe que é tudo menos a de um homem de meia-idade descontente de Tóquio.

Com cabelos grisalhos, linhas visíveis no rosto e perda da magreza juvenil, ele é mais como um boémio de espírito livre disfarçado. Ao longo de uma hora de entrevista no Skype, em que os comentários são tediosamente transportados de um lado para o outro por meio de um intérprete, a sua energia e entusiasmo nunca são sinalizados, e suas respostas ficam mais expressivas e pensativas em cada pergunta.

É tudo parte do seu trabalho como um “ossan” alugado, a palavra japonesa para um homem de meia-idade. Ele permite-se ser contratado por qualquer pessoa, para qualquer propósito – não envolvendo contacto físico – desde que paguem o seu salário por hora: apenas 1.000 ienes (cerca de 8euros, 9 dólares, 34 reais). E ele ama isso!

Como em muitas cidades ao redor do mundo, a maioria das pessoas em Tóquio prefere o anonimato quando se trata de seus desejos, necessidades e vulnerabilidades. Os cidadãos urbanos podem estar desesperados para receber conselhos de uma pessoa mais velha e mais sábia, mas eles não querem falar com pessoas mais próximas. Os familiares e amigos podem julgá-los.

É muito melhor derramar as suas mágoas no ouvido de um estranho, ouvir um bom conselho e ir embora…
Foi através dessa lógica que Takanobu Nishimoto, 50 anos, fundou um serviço de aluguer online de “Ossan” em 2012. Alugar um estranho para aconselhamento e uma  reunião em, digamos, um café, significa que nunca terás que o encontrar novamente, ele disse:

“As histórias espalham-se se os clientes conversarem com alguém que conheçam.” 

É aqui que homens como Sasaki entram, dando ouvidos a estranhos enquanto renovam o seu próprio valor na sociedade. A inspiração de Nishimoto veio quando ele ouviu “miudas do liceu a fazer gozo de homens de meia idade”, particularmente pelas suas orelhas cabeludas, e chamando os homens de “fedorentos” e “sujos”.
Anteriormente, de uma forma admirada, a sociedade japonesa era dominada por homens, os “ossan” agora têm que lutar para manter uma reputação positiva na cultura em rápida mudança, onde os valores estão em fluxo.

“Eu pensei, eu preciso recuperar a honra dos” ossan”.”

Embora tenha começado devagar, o seu site tem cerca de 45 alugueis por dia atualmente, ou 10.000 encontros por ano, disse Nishimoto, que trabalha como consultor de moda e estilista quando não está monitorizando o seu site.
O site possui quase 80 “tios” de 36 cidades, incluindo a base de Nishimoto, em Tóquio, além de Kyoto, Osaka e Tokushima.

Nishimoto diz que ele mesmo conheceu ou foi alugado por aproximadamente 5.000 clientes desde a fundação do serviço. O pagamento simbólico é apenas isso: um gesto simbólico que ajuda os clientes e os tios a respeitar a transação.

“A existência do pagamento nos faz fazê-lo corretamente”

Os “ossan” mais populares são homens de aparência gentil que são bons ouvintes, divorciados e aqueles que passaram por um momento difícil.

“Eles podem ouvir, entender a dor do outro”, disse Nishimoto.

Aparentemente, muitos clientes estão com dor psicológica: cerca de 70% usam o serviço para consultas ou conversas, disse Nishimoto, enquanto os outros 30% solicitam ajuda “manual”, como carregar caixas.

 

E tu, alugarias um “ossan” para desabafar as tuas mágoas?
Deixa-nos a tua opinião 😉

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s